Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




VOCÊ NÃO É O QUE COME

por Thynus, em 24.04.17
Dê uma mordida naquele hambúrguer. O que agora está entrando em seu corpo são vários átomos como hidrogênio, oxigênio, carbono etc. A maioria deles, na verdade, foi originalmente criado dentro de estrelas distantes que depois explodiram e se espalharam por todo o cosmos. Então, o que está se transformando em você surgiu originalmente de dentro de uma estrela. (Sua mãe sempre dizia que você era estrela; desta vez estava certa.)
Mas, espere: transformando-se em quem, exatamente?
Você é o que come, dizem as pessoas. A ideia é presumivelmente que você é somente as moléculas que fazem parte de seu corpo. Só que existe um problema aqui. Essas moléculas estão mudando constantemente. A cada momento, você está exalando, suando e derramando um monte de moléculas; por outro lado, inalando e ingerindo outras. Mas se você é a mesma pessoa que começou a ler este capítulo há alguns momentos, enquanto suas moléculas não eram as mesmas, portanto você não pode ser apenas suas moléculas.
Na verdade, cada molécula no seu corpo é substituída aproximadamente a cada sete anos. Se você é somente suas moléculas, então não é meramente uma pessoa um pouco diferente da que era há sete anos, é uma pessoa totalmente diferente. Do lado positivo dá para se dissociar completamente daquele bobão que você era na escola, mas, no lado negativo, não é mais óbvio por que você teria o direito de usar a poupança que ele começou.
Imagine agora que as moléculas que o constituíam há sete anos pudessem ser reunidas e remontadas. Se você é simplesmente suas moléculas, então esta coleção é você também, apenas uma versão mais jovem. Mas aí haveria dois vocês, o que certamente parece estranho – pelo menos tão estranho quanto a briga que vocês dois teriam sobre quem é o dono da poupança.
Eu pessoalmente como muito mal. Nada de grãos. Tampouco existe algo que não fique melhor com açúcar, incluindo o próprio açúcar. O filósofo em mim não tem certeza de quem ou que sou, mas ele pelo menos sente algum conforto ao saber que não somos o que comemos.
 
 
(Andrew Pessin - Filosofia em 60 segundos : expanda sua mente com um minuto por dia!)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:18


Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

subscrever feeds