Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




VEREI VOCÊ NOS MEUS SONHOS

por Thynus, em 24.04.17
“Você está louco; está tudo na sua cabeça.” O filósofo em mim está acostumado a ouvir isso, normalmente dito com um dedo apontado para a porta. Minha resposta típica, quando a porta se fecha atrás de mim, é falar: “Exatamente!”. Porque está tudo na mente.
Imagine o seguinte sonho. Você está em uma ilha, o sol está brilhando, o oceano é de um azul maravilhoso, você está tomando uma margarita gelada com uma pessoa especial… E então acorda. E está na sua cama, à noite, no inverno, no seu apartamento desesperadamente sozinho. Todos conhecemos esse fenômeno, como já vimos: a forma como as coisas aparecem nos nossos sonhos nem sempre é como existem na realidade.
Mas agora esse fenômeno não está meramente limitado a nossos sonhos.
No sonho, em um momento você olhou para um coqueiro. Mas pense, agora, o que exatamente você estava vendo?
Não era uma árvore real – quer dizer, fisicamente –, porque não existe nenhum coqueiro físico no seu solitário apartamento. Na verdade, não era uma árvore física, porque seus olhos estavam fechados: você não estava vendo nada fisicamente. Devia estar vendo outra coisa: a imagem mental de uma árvore, uma árvore mental. O mesmo acontece com todo o resto em um sonho. O que vemos em sonhos, claramente, são apenas imagens mentais.
Agora você acorda. Se tiver sorte, está lendo este livro em uma praia, o sol está brilhando, o oceano é azul… Olhe para um coqueiro. Sua experiência visual é, em todos os sentidos, igual à experiência visual sonhada daquela árvore, por isso é tão difícil distinguir sonhos das percepções normais da vigília. Mas, em um sonho, o que vemos são somente imagens mentais de objetos. Portanto, o que você vê quando olha para uma árvore, mesmo quando acordado, é somente uma imagem mental, e não uma árvore física real.
Assim, mesmo quando acordados nunca percebemos genuinamente os objetos físicos no mundo ao nosso redor.
Não estou louco: está tudo na sua mente.
 
 
(Andrew Pessin - Filosofia em 60 segundos : expanda sua mente com um minuto por dia!)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:06



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D