Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



0000.jpeg

 

Antes de tudo, que o seu espírito esteja persuadido de que todas as mulheres podem ser presas: você as prenderá; estenda apenas as redes. Os pássaros se calarão na primavera, no verão as cigarras, o cão do Menale fugirá diante da lebre, antes que a mulher resista perante as solicitações carinhosas de um homem. Ela mesma, que você poderá acreditar não querer, quererá. O amor culpado é agradável ao homem; e também à mulher: [mas] o homem dissimula mal, a mulher esconde melhor seus desejos. Se o sexo forte julgar melhor não fazer avanços, a mulher, vencida, tomará para si o papel de fazê-los. Nos suaves prados, é a fêmea que chama o touro com seus mugidos; é sempre a fêmea que, com seus relinchos, chama o garanhão de cascos duros. Mais reservada e menos furiosa é, entre nós [homens], a paixão: a chama do homem respeita as leis.
Falarei de Bíblis, que ardeu de amor culpado por seu irmão, que, correspondendo, puniu-se corajosamente por seu crime?
Mirra amou seu pai, mas com uma afeição que não era filial; agora está oculta, coberta por uma casca. Suas lágrimas, vertidas por uma árvore odorífera, espalham o perfume que deu seu nome à essência.
Aconteceu que, no fundo dos vales sombreados do Ida coberto de florestas, vivia um touro branco, orgulho da manada. Sua fronte era marcada com um pequeno ponto negro entre os chifres; ele só tinha esta mancha; todo o resto do corpo tinha a brancura do leite. As novilhas de Gnosso e da Cidônia cobiçavam senti-lo sobre suas costas. Pasífae ardia para ser sua amante; ciumenta, ela odiava as belas novilhas. O fato que eu canto é verídico; não, por mais mentirosa que seja, a terra com cem cidades, Creta não pode negá-lo. Pasífae, digamos, com mão inábil, cortava ela mesma as folhagens novas e as ervas bem tenras para o touro. Ela acompanha o rebanho, e, para acompanhá-lo, ela não pensa mais em seu marido: acima de Minos, um touro a conquistou. Por que, Pasífae, vestir essas roupas magníficas? Aquele a quem você ama é insensível à sua riqueza. Por que este espelho, quando você vai encontrar o rebanho nas montanhas? Por que tantas vezes arrumar seus cabelos? Que loucura! Creia em seu espelho, mesmo quando ele lhe diz que você não é uma novilha. Como você queria ver crescer cornos em sua fronte! Se você ama Minos, não procure nenhum amante, ou, se você quer enganar seu esposo, engane-o com um homem. Através dos bosques e das pastagens, a rainha, abandonando seu leito, vai, semelhante à Bacante impelida pelo deus Aônio. Ah! Quantas vezes ela atirou sobre uma vaca olhares ciumentos e disse: “Porque essa aí agrada àquele que possui meu coração? Olhe como ela pula diante dele sobre a erva tenra! E a tola crê sem dúvida que isto lhe pertence”. Disse e, na mesma hora, ordenou que ela fosse retirada da imensa manada, e que a inocente fosse arrastada sob a canga curva; então a fez tombar diante dos altares num sacrifício impiedoso, e, cheia de alegria, segurou nas mãos as entranhas de sua rival. Todas as vezes em que ela se congraçou com a divindade, imolando suas rivais, ela disse, segurando suas entranhas: “Vá agora agradar meu bem-amado”, e pediu com insistência para ser transformada ou em Europa, ou em Io; numa porque era novilha (Io foi transformada em novilha pelo ciúme de Juno; Júpiter tomou a forma de um touro para raptar Europa.), noutra porque um touro a levou sobre as costas. Entretanto, o chefe do rebanho, enganado pela imagem de uma vaca de madeira, a engravidou, e o fruto que ela deu à luz [o Minotauro] revelou o pai.
Se a cretense não estivesse impossibilitada de amar Tiestes (pois é difícil para uma mulher arder sempre pelo mesmo homem!), não teríamos visto Febo se deter no meio do seu caminho, retornar sua carruagem e reconduzir seus cavalos na direção de Aurora.
Cila, filha de Niso,apaixonando-se pelo seu inimigo Minos.
 A filha de Niso, por ter cortado furtivamente os cabelos brilhantes de seu pai (Trata-se de Cila. Nos cabelos de Niso residia o destino da cidade) , traz em torno da virilha e do flanco um cinto de cães devoradores.
Após ter escapado de Marte na terra, de Netuno sobre as ondas, o filho de Atreu foi a funesta vítima de sua mulher.
Quem não verteu lágrimas sobre a chama que consumiu a Efireia (Os quatro personagens nomeados aqui foram vítimas dos ciúmes; o primeiro, de Medeia, o segundo e o terceiro, de seus pais, o último, de sua segunda mulher) e sobre a mãe, que, soluçando, massacrou seus filhos?
O filho de Amintor, Fênix, chorou a perda de seus olhos.
Corcéis de Hipólito, vocês o esquartejaram com seu pânico.
Por que, Fineu, furar os olhos de seus filhos inocentes? Esse suplício recairá sobre sua cabeça.
Eis aí, nas mulheres, todos os transportes inspirados pela paixão: ela é mais ardente do que a nossa e mais louca. Portanto, vá; não hesite em esperar triunfar com todas as mulheres; em mil, haverá apenas uma que resistirá. Que elas cedam ou que elas resistam, elas gostam sempre que lhes façamos a corte; mesmo se você for repelido, a derrota não é perigosa para você. Mas por que você seria repelido, quando sempre encontramos prazer numa volúpia nova, e somos mais seduzidos pelo que não temos do que pelo que temos? A colheita é sempre mais rica no campo do outro, e o gado do vizinho tem úberes mais intumescidos.

(Ovidio - A Arte de Amar)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:26



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D