Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




MINHA MENTE ESTÁ EM OUTRO LUGAR

por Thynus, em 24.04.17
Não dá para negar que sua mente existe. Afinal, o próprio ato de negar exige a capacidade de formar pensamentos, o que parece ser uma capacidade mental – então, negar que você tem uma mente acabaria provando que você tem uma! O que não está claro, no entanto, é o que significa ter uma mente. Sabemos que temos cérebros, que são objetos puramente físicos, mas a pergunta é se nossas mentes são nossos cérebros. E as diferenças importantes entre o mental e o físico sugerem que não são.
Por exemplo, as coisas físicas normais possuem propriedades espaciais, ou seja, elas ocupam espaço, possuem tamanho, forma, localização etc., mas a mente não parece ser espacial. Não faz sentido perguntar o “tamanho” do pensamento, ou qual a forma da sua consciência, nem faz sentido perguntar onde um pensamento ou percepção poderia ser localizado. Se você conseguisse diminuir de tamanho e entrasse em um cérebro, tudo o que veria seriam muitas moléculas movendo-se em grande velocidade. Você nunca encontraria um “pensamento” ou “percepção” – já que não estão localizados em lugar algum do cérebro.
As mentes também possuem uma característica única: seus donos têm um acesso especial a elas. Dá para saber diretamente o que você está pensando, de uma maneira que mais ninguém pode saber o que você está pensando, e nenhum outro objeto físico possui tal característica. Como todos os objetos físicos existem no espaço, todos nós temos acesso igual a eles, até aos cérebros de cada um. Na verdade, os médicos possuem ainda maior acesso ao que está acontecendo no seu cérebro do que você por meio de imagens e sons! Mas apenas olhar o seu cérebro nunca vai permitir que eles sintam o que você está sentindo, uma vez que, diferentemente do seu corpo e do seu cérebro, isso pertence somente a você.
Não está claro ainda o que é a mente, mas é certo que a única coisa que está de fato na cabeça é o cérebro, e que a mente, nos sentidos mais profundos, está em outro lugar.
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:07


Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

subscrever feeds