Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Carpe diem!

por Thynus, em 27.06.16
Carpe diem é uma expressão em latim que significa "aproveite o dia". Essa é a tradução literal, e não significa aproveitar um dia específico, mas tem o sentido de aproveitar ao máximo o agora, apreciar o presente.
O termo foi escrito pelo poeta latino Horácio (65 a.C.-8 a.C.), no Livro I de “Odes”, em que aconselha a sua amiga Leucone na frase: “...carpe diem, quam minimum credula postero". Uma tradução possível para a frase seria “...colha o dia de hoje e confie o mínimo possível no amanhã”.
O significado de Carpe Diem é um convite para que se aproveite o tempo presente, usufruindo os momentos intensamente sem pensar muito no que o futuro reserva.
Horácio segue a linha do epicurismo e defende que a vida é breve e a beleza perecível. Sendo a morte a única certeza, o presente deve ser aproveitado antes que seja tarde.
Carpe Diem é viver o hoje sem preocupações com o amanhã. É desfrutar a vida e os prazeres do momento em que se vive. Esta expressão tem o objetivo de lembrar que a vida é breve e efêmera e por isso cada instante deve ser aproveitado. Este tema é muito popular no âmbito da literatura, e teve grande importância na altura do Renascimento e do maneirismo.
No filme “A Sociedade dos Poetas Mortos”, a mensagem de “carpe diem” é transmitida em determinado momento aos jovens estudantes para lhes lembrar a brevidade da vida e que, por isso, deveriam vivê-la de forma extraordinária.
O conceito Carpe diem atingiu uma grande popularidade e por isso muitas pessoas fazem tatuagens com essa expressão em latim.

(Significado de Carpe diem)

7 Autores que disseram Carpe Diem de uma forma incrível

Carpe diem significa “aproveite o dia”, ou seja, viva o presente ao máximo. De Clarice Lispector a Augusto Cury, vários autores, mesmo sem usar a expressão, defenderam o carpe diem ao longo das suas obras e vão te inspirar a querer aproveitar melhor o teu dia!
Ouça com cuidado. O que é que eles estão dizendo, afinal?

1. Clarice te convida a viver e aproveitar a vida, sem pensar nem questionar.

clarice lispector carpe diem
Uma das escritoras brasileiras mais importantes, Clarice Lispector defende que a vida deve ser aproveitada sem questionar, mergulhando na aventura sem hesitação.

2. Thoreau diz que o lema é viver ao máximo agora para não se arrepender depois!

carpe diem henry thoreau
Esta frase de Henry David Thoreau, escritor norte-americano, foi usada no filme “A Sociedade dos Poetas Mortos” pelo professor John Keating, para incentivar os seus alunos a aproveitarem a vida e buscarem a felicidade. Quer mais Carpe diem do que isso?

3. Devemos desfrutar a vida em pleno, dia a dia, é o desafio de Ralph Waldo Emerson.

ralph waldo emerson carpe diem
O escritor norte-americano Ralph Waldo Emerson, chama a atenção para o fato de não aproveitarmos o que a vida nos dá a cada dia. E você, está aproveitando a sua vida ao máximo?

4. Augusto Cury pergunta para quê ter medo de viver?

augusto cury carpe diem
Augusto Cury, psiquiatra e autor brasileiro, defende que não se deve ter medo de viver e sim medo de não aproveitar a dádiva da vida ao máximo.

5. Segundo Walt Whitman, o melhor é aproveitar agora e não deixar a vida para depois! 

walt whitman carpe diem
Walt Whitman, famoso poeta norte-americano, defendeu no seu poema Carol of Occupations, que devemos viver o dia de hoje, agora e não deixar a felicidade para depois.

6. Dar tudo ao presente é o segredo para ter um futuro mais rico para Albert Camus.

albert camus carpe diem
A frase de Albert Camus, autor francês nascido na Argélia e Prêmio Nobel da Literatura, não pode te deixar indiferente. Você está dando tudo ao presente?

7. Ontem já passou e para amanhã ainda falta. Viva verdadeiramente o dia de hoje!

goethe carpe diem
Pensar no hoje e não no ontem, que já passou, ou no amanhã, que ainda está para chegar. É este o conselho de Goethe, escritor e filósofo alemão do século XVIII e XIX.
A vida é breve, por isso agora é hora de parar de reclamar e aproveitar o que a vida te dá de bom dia após dia. Vamos lá? Carpe diem!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:53



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D