Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




A atenção

por Thynus, em 10.04.13

 

 

A atenção é o ato pelo qual, sob a ação de um excitante ou da vontade, o espírito se concentra num objeto, com exclusão dos outros, ou na representação mental desse objeto, ou ainda nas idéias que ele suscita.
A atenção permite eliminar estados de consciência alheios ao que nos interesse, como também isolar do caos das coisas o assunto que nos atrai.
Diversos autores consideram a atenção como uma forma da vontade. A atenção se acha, seguramente, sob a dependência da vontade, mas não deve ser identificada com ela.
A atenção não poderia ser também confundida com a inteligência, pois é apenas um dos elementos de que esta última se utiliza.
Os objetos que nos cercam, impressionam todos os nossos sentidos. Se nós os distinguíssemos igualmente, como sucede, por exemplo, à objetiva fotografica, o cérebro se acharia repleto de imagens inúteis. Graças à atenção só distinguimos as coisas proporcionalmente às nossas necessidades e podemos concentrar num único objeto toda a nossa capacidade intelectual, sem a disseminarmos ao acaso.
Os animais são capazes de atenção, mas essa faculdade é neles involuntária, ao passo que no homem pode ser voluntária.
Do seu desenvolvimento resulta, em grande parte, a nossa força intelectual. A criança e o selvagem possuem muito diminuta atenção voluntária.
Quanto mais suscetível de atenção, e por conseguinte de reflexão, for o homem, tanto mais considerável será a sua força intelectual. Um Newton sem grande capacidade de atenção não é concebível. A intuição genial que subitamente surge, foi sempre precedida de uma atenção paciente e de uma longa reflexão.

(Gustave Le Bon - "Opiniões e crenças")

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:21



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D