Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




'Habemus papam' de tipo novo

por Thynus, em 16.03.13

 

Amanhã o novo Papa aparecerá aos fiéis na Praça de São Pedro para o Angelus das seis da tarde. A expectativa é grande, a praça estará cheia dos que vêm tentar confirmar a imagem deixada pelo suave "Boa noite!" da bênção depois da eleição e por três dias de notícias, comentários, fotos e vídeos que o Vaticano tem divulgado. A tónica tem sido mostrar como o Papa Francisco é modesto, austero, simples, enfim, um filho daquele que o inspirou no nome, S. Francisco de Assis, Il Poverello.
Se fosse uma campanha de marketing não era mais bem engendrada. O padre Lombardi, que dá briefings diários, já avisou que a máquina do Vaticano se terá de habituar ao novo estilo. Começou ontem: no discurso que fez aos cardeais, Bergoglio fez tantas alterações ao que escrevera que os serviços de imprensa retardaram o comunicado, habitualmente simultâneo. A frase sobre a velhice dos cardeais, que o Papa comparou à do vinho, não estava no programa, e tornou-se o sound bite da tarde.
O Papa Francisco tinha pedido aos cardeais que ontem se reuniram com ele - todos e não apenas os 115 eleitores - para usarem as batas negras em vez das vermelhas normais nestas ocasiões. Bergoglio já mostrara antipatia por estas vestes espampanantes quando foi nomeado cardeal por João Paulo II e se recusou a comprá-las por seis mil euros, em Roma. "Um luxo inútil", disse. E pediu à irmã que lhe costurasse umas.
Os cardeais apareceram na Sala Clementina todos de negro - exceto os solidéus vermelhos - para ouvirem o novo líder chamar-lhes familiarmente "irmãos cardeais" e chegar-se a eles de pé nos cumprimentos. Do cardeal sul-africano Napier, Bergoglio aceitou uma pulseira da fé, amarela, que pôs no pulso. E com os dois papabili de dias antes, o cardeal filipino Luis Tagle, e o norte--americano Timothy Dolan, demorou-se. Trocou confidências, gargalhadas e o arcebispo de Nova Iorque pôs-lhe a mão no ombro. Podem ser apenas sinais, mas num lugar simbólico como o Vaticano, onde tantas vezes o estilo marca a substância, estão a fazer prever uma mudança.

(Ferreira Fernandes)
http://www.dn.pt/inicio/opiniao/interior.aspx?content_id=3111674&seccao=Ferreira%20Fernandes&tag=Opini%C3%A3o%20-%20Em%20Foco

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:37



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D