Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Surrealismo

por Thynus, em 27.02.13

O surrealismo foi um movimento artístico iniciado na Europa na década de 1920, e tinha como objetivo valorizar o sonho e o inconsciente. Influenciados pelas teorias psicanalíticas de Sigmund Freud, os surrealistas enfatizavam o papel do inconsciente na atividade criativa. De acordo com Freud, o homem deve libertar sua mente da lógica imposta pelos padrões comportamentais e morais estabelecidos pela sociedade e dar vazão aos sonhos e às informações do inconsciente. O movimento surrealista se dividiu em duas correntes. A primeira, representada principalmente por Salvador Dalí, trabalha com a justaposição e a distorção de imagens conhecidas, como os relógios da obra ‘A persistência da memória’. Já na segunda, as pinturas passam a apresentar formas curvas, linhas fluidas e muitas cores; ‘O carnaval de Arlequim’ representa bem esta vertente. As curvas e as cores vivas, presentes em ambas as correntes do surrealismo, combinavam o abstrato e irreal ao instinto e incoerente, representando a atividade do inconsciente. O grupo dos principais artistas incluía, além de Dalí, Picasso, Magritte, Max Ernst, além do cineasta Luis Buñuel, que transportou a estética surrealista para seus filmes.

 

(sur.re:a.lis.mo)
sm.
1. Art.pl. Cin. Liter. Movimento artístico e literário iniciado na Europa da década de 1920, tendo como projeto valorizar ao máximo o irracionalismo, a incoerência, a expressão do inconsciente e, por isso, o instinto, o sonho, as imagens e valores nascidos dessa atitude
[F.: Do fr. surréalisme.]
(Dicionário Aulete digital) 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:01


Comentar:

Comentar via SAPO Blogs

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

subscrever feeds