Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Quer se esteja acordado, quer profundamente adormecida, a incessante e infatigável ação do subconsciente controla todas as funções vitais do organismo sem a ajuda do consciente. Por exemplo, quando se dorme, o coração continua a bater ritmicamente, os pulmões não descansam e o processo de aspiração e expiração, graças ao qual o sangue absorve oxigênio, continua da mesma forma que em estado de vigília. O subconsciente regula os processos digestivos e as secreções glandulares, do mesmo modo que as outras misteriosas operações do organismo. Os pelos da barba crescem quando a pessoa dorme ou está acordada. Os cientistas dizem que a pele transpira mais durante as horas do sono. A visão, a audição e os outros sentidos continuam em atividade durante o sono. Sabe-se que muitos grandes cientistas encontraram a solução de complexos problemas enquanto dormiam. A solução lhes veio em sonho.
O consciente interfere freqüentemente com o ritmo normal do coração, dos pulmões e o funcionamento do estômago e dos intestinos em conseqüência de preocupações, ansiedade, medo e depressão. Essas modalidades de pensamento prejudicam o funcionamento harmonioso do subconsciente. Quando se está mentalmente perturbado, o melhor é procurar esquecer tudo, descontrair-se e travar as engrenagens dos processos mentais. Fale-se ao subconsciente, dizendo-lhe que assuma o controle da situação em paz, em harmonia e dentro da ordem divina. Ver-seá então que as funções orgânicas voltarão à normalidade. Fale-se ao subconsciente com autoridade e convicção e ele obedecerá à ordem.
O subconsciente procura a todo custo preservar a vida e restaurar a saúde. Faz com que amemos nossos filhos, o que representa um desejo instintivo de preservar toda a vida. Suponhamos que a pessoa coma por acaso algum alimento estragado. O subconsciente fará quase sempre a pessoa vomitá-lo. Se se tomar inadvertidamente algum veneno, as forças subconscientes tratarão de neutralizá-lo. Quem confiasse inteiramente nos poderes maravilhosos do subconsciente teria a sua saúde completamente restabelecida.


(Josephe Murphy - "O Poder do Subconciente")

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:15



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D