Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




DIA DAS BRUXAS

por Thynus, em 05.12.12


Para sair às ruas no Dia das Bruxas, ter uma fantasia legal é imprescindível. Sua origem remonta à cultura celta, que considerava o dia 31 de outubro o fim do ano céltico e o início do inverno. Na noite do dia 31, Samhain vinha à terra acompanhado de espíritos, à procura de corpos. Este dia passou, então, a ser considerado um dia maldito, e para afugentar tais espíritos as pessoas
usavam máscaras. Atualmente, fantasias de todos os tipos são usadas por diversão. A regra geral é quanto mais assustadora, melhor, e por isso são usados chapéus de bruxa, máscaras de monstro, varinhas mágicas, entre outros. No entanto, também são usadas fantasias baseadas em super-heróis, princesas e outros temas inusitados, como aparelhos eletrônicos e comida.


As cores laranja, roxo e preto, sempre presentes no Halloween, têm origem na cultura celta. O laranja era considerado uma fonte de vitalidade e energia, usado na noite de Samhain para que os espíritos se alimentassem dela como alternativa. Já o preto era utilizado em rituais religiosos por ser considerado uma cor sacerdotal, usada pelos mestres de cerimônia. Finalmente, o roxo representava a magia ritualística da noite de 31 de outubro.

A vassoura representa o poder feminino de limpeza da energia negativa. Para que funcione como um amuleto de proteção, a vassoura deve ser feita de ervas especiais (ramos de louros, arruda, manjericão, alecrim e alfazema), como diz a tradição, podendo ser acrescentadas flores secas. Sua função protetora data da Roma antiga – parteiras costumavam varrer as soleiras das casas das mulheres grávidas, para afastar os maus espíritos destas e de seus bebês. Contudo, as vassouras são comumente associadas às bruxas, e vistas, pejorativamente, como símbolo do paganismo. À época da caça às bruxas, no século XVI, pouquíssimas das mulheres apreendidas mencionaram vassouras em seus depoimentos. A vassoura permanece, no entanto, um ícone representativo das bruxas e do Halloween.

Do latim focaria, as fogueiras são acesas, por tradição, para afastar os maus espíritos. Isto surgiu com a cultura celta, que acreditava que na noite de 31 de outubro, Samhain, deus dos mortos e príncipe das trevas, voltava à terra na companhia de maus espíritos. Para evitar ser possuída, a população acendia fogueiras nos topos das colinas e apagava as luzes nos vilarejos, de modo a confundir os espíritos e guiá-los para longe. Nesta noite, era tradicional a realização de uma cerimônia chamada de ‘Vigília’, com o objetivo de apaziguar os espíritos errantes para que seguissem em paz para outro plano. Os celtas também acreditavam ser possível visionar o futuro por meio das chamas.


 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:34



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D